FILMES | Novo projeto de David O. Russel reúne Chris Rock, Robert De Niro, Anya-Taylor Joy e muito mais!

Siga e Compartilhe:

O novo projeto de David O. Russel ainda sem título da New Regency reuniu uma lista de elenco de deixar qualquer um babando! Além dos já citados Chris Rock (Todo Mundo Odeia o Chris, Gente Grande), Robert De Niro (Taxi Driver, O Irlandês e mais uma infinidade de projetos bem sucedidos) e Anya-Taylor Joy (A Bruxa, Fragmentado, O Gambito da Rainha), incluem-se também Mike Meyers (Austin Powers, Bohemian Rhapsody), Timothy Olyphant (Justifield, Santa Clarita Diet) e Michael Shannon (Entre Facas e Segredos, A Forma da Água).

Haja nome e haja aleatoriedade! Nunca vi um projeto reunir tantos atores de tantas áreas diferentes. E ainda não acabou! Também se juntam ao elenco Andrea Riseborough (Oblivion, Mandy), Matthias Schoenaerts (Ferrugem e Osso, Suíte Francesa) e Alessandro Nivola (Desobediência, Jurassic Park 3).

Como se não bastasse, nomes como John David Washington (Tenet, Infiltrado na Klan), Christian Bale (trilogia Batman, Psicopata Americano), Margot Robbie (Era Uma Vez em… Hollywood, O Lobo de Wall Street) e Zoe Saldana (Avatar, Vingadores: Ultimato) já haviam sido confirmados há tempos! QUE ELENCO!!!!

Os detalhes do filme ainda são mantidos em sigilo. Ninguém sabe muita coisa a respeito do longa por enquanto. O que se sabe é que o projeto vem do acordo entre a Regency e a Disney/Fox, que David escreveu o roteiro e que também será o diretor do próprio filme. O projeto marcará o retorno de David como diretor pela primeira vez desde Joy (2015), estrelado por Jennifer Lawrence.

O filme deveria ter iniciado as gravações em abril do ano passado. Mas isso não aconteceu devido à pandemia de COVID-19. Pelo menos isso lhe trouxe adições interessantes no elenco. Entretanto, o diretor tem interesse de começar o projeto agora em janeiro, em Los Angeles. Agora é torcer para dar certo!!

Autor do Post:

Matã Marcílio

https://instagram.com/mat_marcilio/

Um pré-fisioterapeuta nordestino que, perdido no mar das incertezas, fez das palavras seu refúgio. Um pouquinho mais de duas décadas de leitura e sedentarismo causado pelo prazer de deitar em frente a um espelho negro e observar toda a glória do homo sapiens ao escapar da realidade terrivelmente entediante. “Jojo Betzler. Hoje, só faça o que puder.”

READ  “Areia Movediça” é ótimo, mas inconstante
Rate article