CRÍTICA | “Correndo Atrás” é uma comédia em linha reta

Siga e Compartilhe:

Correndo Atrás é um filme brasileiro de comédia da Raccord Produções que estreia no Telecine em 19 de junho, dirigido por Jeferson De e baseado no livro Vai Na Bola, Glanderson!, escrito por Hélio de la Peña.

Confira a sinopse:

Ventania (Aílton Graça) faz vários bicos para conseguir pagar as contas, mas a grana está cada vez mais curta. Decidido a mudar de vida, ele resolve se tornar empresário de jogador de futebol e o primeiro passo é descobrir um novo craque. Para isso, vai precisar da ajuda de amigos que não querem nem vê-lo por perto, já que ele deve dinheiro a todo mundo. Até que Glanderson (Juan Paiva) cruza o seu caminho e logo mostra que pode ser a esperança de um grande sucesso.

Com elenco composto por grandes nomes como Aílton Graça, Juliana Alves, Lázaro Ramos e Hélio De La Peña, também vemos os atores da nova geração Juan Paiva e Lellê (ambos estrelaram Malhação) e a participação de Nicole Bahls.

No filme, acompanhamos a trajetória de Paulo Ventania (Aílton Graça) tentando ganhar a vida. Ele é um vendedor ambulante falido que um dia sonhou em ser jogador de futebol, mas as coisas deram errado e ele não conseguiu se dar bem. Ventania agora é pai e Jurema (Juliana Alves), mãe de seu filho, está cansada de cobrar a pensão do filho e chega a ameaçar o ex marido de prisão por isso. 

READ  SÉRIES | Joss Whedon deixa desenvolvimento de nova série da HBO

Jurema (Juliana Alves) e Ventania (Aílton Graça). Foto Reprodução:Raccord Produções, 2021.

Ventania, claro, diz que está “correndo atrás”. Isso é o que ele fala a todos, já que ele tem dívidas com todo mundo da comunidade: desde a dona da lojinha de bugigangas, até um perigoso agiota, que também está com a paciência por um fio com Ventania.

Quando se vê sem esperanças, ele conhece o jovem Glanderson (Juan Paiva), um garoto que tem apenas 3 dedos no pé direito e que joga bola tão bem, que Ventania acha que ele pode ser o próximo Neymar e logo propõe ser empresário dele. 

Glanderson (Juan Paiva) e Ventania (Aílton Graça). Foto Reprodução:Raccord Produções, 2021.

A partir daí, vemos uma jornada em busca de conseguir reconhecimento pelo talento e Glanderson, com decepções e enrascadas, mas que no fim dá certo, mesmo que seja por meios tortos. 

O filme tem um pouco mais de 1 hora e meia de uma dramédia leve e realmente bem humorada, sobre duas pessoas que têm um sonho em comum, se apoiam e topam as loucuras (nem tão loucas assim) para ambos consigam reconhecimento. É gostoso de assistir, bem sessão da tarde mesmo. 

As atuações são muito boas, bem o que esperamos dos atores já conhecidos em uma trama que não exige atuações espetaculares, é tudo muito natural. Como eu disse, é bem gostoso de assistir. 

A fotografia do filme também é bem bonita, o filtro mais quente realça bem as cores vibrantes dos figurinos e dos cenários, como quando Ventania e Glanderson se conhecem num campinho de terra. E quando eles estão em São Paulo, o filtro passa a ser mais frio, passando um certo ar de São Paulo mesmo, uma cidade mais cinza. 

READ  Primeiras impressões | “The Medium”, uma lembrança assustadora dos clássicos

Glanderson (Juan Paiva), Ventania (Aílton Graça) e Berinjela (Hélio de la Peña). Foto Reprodução:Raccord Produções, 2021.

Há de ressaltar que o filme foi gravado em 2016 e ainda assim não se tornou datado nem perdeu o seu timing. Pelo ao contrário, o filme consegue se manter atual e atemporal.

No fim, Correndo Atrás é uma boa comédia brasileira com uma boa história e vale super a pena assistir. A história foge um pouco do esperado e flerta com o inusitado e ao mesmo tempo se tornando bem realista e gerando identificação, da criação dos personagens a suas motivações.

O filme estreia no catálogo do Telecine em 19 de junho. 

NOTA: 3,8/5

Assista ao trailer:

Autor do Post:

Jessica Rodrigues

administrator

Darkzera do cerrado tocantinense, engenheira florestal, ilustradora botânica e médica de plantinhas; apaixonada por terror e romances boiolinhas, às vezes podcaster e, definitivamente, louca das plantas e dos gatos.

    Continue Reading

    Previous: ESPECIAL LOKI | Quem é a Lady Loki?
    Rate article